Viver também é sobre morrer varias vezes em vida, não no literal, mas temos que morrer. A cada dia, cada mês, cada ano evoluímos e por consequência uma parte nossa morre. Talvez seja exatamente por isso o porquê daquela frase: não julgue as pessoas pelo seu passado.

É que na real, talvez essa pessoa do passado não exista faz tempo. Eu já morri varias vezes com decepções variadas, mas eu já nasci outras vezes por conta do mesmo motivo. Todos nós já passamos por isso, a experiência de morte é horrível, até notarmos que estamos encontrando o paraíso, onde tudo vai ficar bem e que aprenderemos o real sentido daquilo. Talvez hoje por varias experiências meio complicadas você seja uma pessoa ainda melhor, mais madura e mais ciente do que você quer em todas ou quase todas as áreas da sua vida.

Assim como viver é morrer, morrer também é viver. É viver um mundo novo a cada morte, é entender um paraíso após o caos, pois na maioria das vezes o caos é caís, é onde você pode agradecer pelo pôr do sol ao invés de reclamar que já se foi o dia. Mas aí, quantas vezes você já morreu esse ano?